Quarta, 29 de Agosto de 2018
Mario

Última Taça do Mundo de 2018 em La Bresse, estive lá apenas uma vez em 2016. Este ano o circuito não foi junto ao centro, mas sim lá bem mais a cima junto ao bike park. Pessoalmente gostava mais da versão de 2016, era um circuito mais com mais beleza natural e algo mais exigente fisicamente.

Chegamos com um belo dia se sol, mas foi só para enganar! Os dois dias antes da corrida foram de chuva e temperaturas bem baixas. A chuva inicialmente não alterou muito o circuito, mas com o passar das voltas e mais um dia de chuva em cima ficou complicada a coisa!

Tinha o dorsal 57, estava a meio da grelha de partida. A estratégia era fazer um bom arranque mas sem forçar demasiado. Havia uma subida longa e dura até à entrada do primeiro single, fui passando e defendendo a minha posição.

Andei pelo top50 e grande parte da corrida dentro dos primeiros sessenta, que era o objetivo para pontuar, havia uma subida impossível pela lama e as descidas nem sempre consegui fazer tudo montado, ou por quedas ou confusão imediatamente à frente. A parte final da corrida foi em quebra e perdi o lugar dentro do top60, terminei a uma volta do vencedor.

Longe da época que tinha em mente, termino assim muito triste a Taça do Mundo de 2018 sem um resultado que espelhe todo o trabalho que está por detrás.

Obrigado pelas mensagens de apoio nesta temporada menos boa, obrigado equipa por todo o apoio,treinador, patrocinadores, família e amigos.

Fotos: @irmokeizer/ @dobslaffcom

SPC (www.starprojectconsulting.com)
Sorrivida (www.sorrivida.com)
VeloFitSystem (www.velofitsystem.com
Clínica de Nutrição Dr. Tiago Almeida (www.clinicanutricao.com)
Star Balm (www.starbalm.com)
Fisiomar Saude Integrada (www.fisiomar.pt)
Marina Concept (www.marinaconcept.pt)
Campilusa (www.campilusa.pt)
Gadepa (www.gadepa.com)
Magalhães & Dias
Minute Print
Biciadus

#Brújula Bike Racing Team (www.team.brujulabike.com)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *